Certas PalavrasPágina de Marco Neves sobre línguas e outras viagens

E quando o tradutor é mais importante do que o autor?

Já aqui falei dum cartaz de teatro sem o nome da tradutora. E quantos livros não há por aí em que o nome do tradutor não aparece senão na ficha técnica? Conheço também livros (normalmente traduzidos para o inglês) onde nem na ficha técnica põem o nome de quem os traduziu. Agora, nós por cá temos esta originalidade: um livro em que, na capa, aparece apenas o nome do tradutor, relegando o autor para a ficha técnica.

E esta, hein?

Receba os próximos artigos

Autor
Marco Neves

Tradutor na Eurologos, professor na Universidade Nova de Lisboa e autor da Gramática para Todos.

Comentar

5 comentários
Certas Palavras
Blogs do Ano - Nomeado Política, Educação e Economia